Servidor de arquivos, compartilhando documentos em rede

Servidor de arquivos ou file server é um computador ou sistema de armazenamento conectado a uma ou mais redes locais (LAN) / remotas (WAN, incluindo conexões via Web), que disponibiliza arquivos como documentos, planilhas ou vídeos para serem acessados via rede em dispositivos como PCs, notebooks, tablets ou celulares. O conceito server ou host é definido como o local onde são armazenados dados como documentos, fotos, banco de dados, backup, aplicativos e demais informações a serem compartilhadas.

Os equipamentos que acessam essas informações são chamados clientes ou clients, que podem ser desde PCs, celulares ou mesmo smartTVs, conectados e compartilhando dados.

Sistema operacional, a chave de tudo

Os sistemas operacionais dos servidores identificam e gerenciam atributos como tamanho, controle de acesso, tipo de arquivo e outras qualificações da informação armazenada. Servidores de arquivos em geral possuem estrutura hierárquica organizada, gerenciando as transferências e demais operações que envolvem as informações, como leitura e gravação de forma organizada e com registro das operações realizadas por seus respectivos clientes.

Storage NAS, um servidor de arquivos profissional

Servidor de backup, corporativo, de imagens, de nuvem, cold storage ou servidor de conteúdo são apenas algumas aplicações possíveis para servidores de arquivos, que são os repositórios de informação presentes em bancos, hospitais, empresas e residências ao redor do mundo. Com essa responsabilidade, a maioria dos sistemas computacionais atuais não podem parar, e estão recebendo constantes melhorias.

Os storages NAS surgiram com essa evolução. Trata-se de computadores “especializados” em armazenar informações, com sistema operacional próprio, espaço geralmente maior que computadores domésticos e redundância em seus componentes para funcionamento contínuo.

Os NAS (network attached storage) são sistemas de armazenamento para conexão em rede voltados para esse tipo de atividade, pois possuem estrutura hierárquica para gerenciamento dos dados, proteção de acesso aos arquivos, pastas ou volumes protegidos por senhas, gerenciamento de permissões por usuário e arquivos de controle para o registro das atividades dos usuários (arquivo de log). Saiba mais sobre Storage NAS.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *